Prateleiras infinitas: como endless aisles ajudam você a vender mais

Nos últimos seis meses, 95% dos consumidores brasileiros deixaram de comprar em lojas ao descobrir que o produto estava fora de estoque, revela estudo da Adyen.

Quando o consumidor se desloca até uma loja, nada é mais frustrante do que não encontrar o que deseja. E isso acontece com uma frequência maior do que imaginamos: 9 em cada 10 pessoas deixaram de adquirir um produto por falta de estoque. É o que aponta a pesquisa exclusiva realizada pela Adyen, em parceria com a 451 Research.

Para o varejista, além do desperdício de uma oportunidade de venda, há ainda o risco de perder o cliente de vez devido à experiência frustrada de compra. O levantamento indica que apenas 1 em cada 5 (20%) clientes insiste em comprar o item esgotado com a mesma marca, optando por outro canal de venda ou voltando ao estabelecimento algum tempo depois.

Já entre os baby boomers, uma geração com alto poder aquisitivo, mas que não considera fazer compras uma atividade relaxante, a situação é ainda mais alarmante: 33% simplesmente desiste de adquirir o produto.

O resultado é sentido no bolso: US$ 481,8 bilhões deixam de entrar no caixa de varejistas globalmente a cada ano devido a essa ruptura da jornada de compra. 

9 em cada 10 consumidores deixaram de fazer uma compra devido a produtos fora de estoque nos últimos seis meses

451 Research

Como as prateleiras infinitas (endless aisles) podem ajudar

Mas não se preocupe: com a tecnologia certa, você pode dar adeus aos dias de produtos fora de estoque. As prateleiras infinitas (ou endless aisles, em inglês) integram, em tempo real, os inventários da loja e do ecommerce.

Essa visão unificada transforma toda a jornada do cliente, deixando que ele decida como, quando e por qual dispositivo quer interagir com a marca. Conveniência é a palavra-chave para garantir que ele esteja sempre satisfeito e que nunca saia de mãos abanando.

Como funciona na prática?

Sem sair da loja nem desperdiçar tempo, o cliente consegue concluir o pedido ali mesmo, por meio de um quiosque de atendimento, de um tablet ou de qualquer outro dispositivo mobile.

A diferença é que os produtos disponíveis não se limitam mais aos que estão naquela loja específica e passam a abranger o estoque do ecommerce como um todo.

É uma estratégia matadora: o estudo da Adyen mostra que 40% dos entrevistados se sentiram mais motivados a ir comprar na loja se soubessem que o estabelecimento conta com a tecnologia de prateleiras infinitas.

Com o processamento de todas as transações do varejista em uma mesma plataforma, o comprador ganha também flexibilidade na hora do checkout, podendo pagar online ou via maquininha, e também escolhendo entre retirar o produto na loja mais tarde ou recebê-lo em casa.

Veja abaixo algumas das vantagens que as prateleiras infinitas podem trazer a seu negócio

10 benefícios das prateleiras infinitas

  1. Gestão unificada de todas as vendas e pagamentos.
  2. Redução do prejuízo com transações ou consumidores perdidos.
  3. Maior variedade de produtos sem precisar aumentar a loja.
  4. Lojas se reinventando como um lugar para encantar o cliente.
  5. Logística mais eficiente para abastecimento, entrega e troca de produtos.
  6. Experiência de compra omnichannel, sem barreira entre canais online e offline.
  7. Time de vendas atuando como consultor, pondo fim à disputa com o ecommerce.
  8. Ajuda da tecnologia para vender mais, com menos esforço.
  9. Visão 360º do comportamento do cliente online e na loja para criar jornada de compra personalizada.
  10. Fonte de dados para insights estratégicos e assertivos.

Prateleiras infinitas não são só para mercado de luxo

E se engana quem acha que esse conceito é exclusividade de lojas de luxo ou segmentos específicos do varejo. É verdade que quem vende itens de luxo está à frente: 32% já permite comprar itens esgotados na loja e recebê-los em casa, contra 26% do varejo em geral.

O estudo exclusivo da Adyen e da consultoria 451 Research mostra, contudo, que a prateleira infinita aumentaria a fidelidade dos clientes nas seguintes categorias avaliadas:

  • Varejo geral - 32%
  • Supermercado - 28%
  • Beleza - 26%
  • Fast fashion - 25%
  • Luxo - 17%

Unified Commerce e o varejo 2.0

Pensado para responder com tecnologia aos principais desafios da Era da Experiência, o Unified Commerce chega como uma evolução do omnichannel ao estabelecer a união dos diferentes canais de venda, e não só a sua coexistência, englobando inovações como a prateleira infinita.

A tecnologia aliada a essa nova tendência ajuda os varejistas a integrar a jornada de compra de maneira consistente, unindo os fronts de venda físico, online e mobile em uma plataforma só.

No centro da tomada de decisões, o consumidor tem todos os produtos e serviços ao seu alcance, e ainda pode ser surpreendido com ofertas como comprar online e retirar na loja.

Para virar o jogo e abraçar o melhor que a digitalização proporciona para o varejo, o Unified Commerce cria oportunidade para quem está interessado em construir a experiência de compras do futuro – e desfrutar de uma oportunidade de bilhões de dólares em vendas desperdiçadas.

Quer fidelizar seus clientes com experiência omnichannel e não perder nenhuma venda? Conheça a solução de Unified Commerce da Adyen.


Inscreva-se para receber nossa newsletter

Concordo que a Adyen me envie newsletters com atualizações sobre a empresa e o setor de pagamentos, parceiros e clientes, produtos e serviços, e novos recursos e lançamentos. Ao enviar este formulário, reconheço ter lido os termos da Declaração de Privacidade  e autorizo a utilização dos dados de acordo com as regras ali estabelecidas.


Are you looking for test card numbers?

Would you like to contact support?