Qual é o melhor tipo de checkout para o seu negócio?

Você quer uma integração rápida para começar a vender online o quanto antes? Ou prefere ter total controle sobre a jornada do cliente, mesmo que isso signifique um tempo maior de desenvolvimento? Descubra qual é o tipo ideal de checkout para alcançar seus objetivos.



O processo checkout de um ecommerce é um elemento crucial na decisão do cliente de finalizar (ou não) a compra. E é fácil de entender porque: quem nunca desistiu de um produto ao ver formulários e mais formulários surgirem antes que o processo pudesse ser concluído? Ou chegar à página final e perceber que o seu cartão não era aceito?

O checkout de um produto começa quando o comprador clica no botão "Comprar agora" e termina com a mensagem de "Compra concluída". Mas é o que acontece entre essas duas pontas que faz toda a diferença. Geralmente, é exigido que o comprador se identifique ou crie uma conta, caso seja sua primeira vez no site, e depois que insira informações sobre o endereço de entrega, assim como dados de pagamento. Então, só falta rever os detalhes da compra e confirmar o pagamento.

Dados do Instituto Baymard, que reúne inteligência sobre comércio eletrônico, mostram que a taxa média de abandono do carrinho em ecommerces é de 70%. Entre as principais razões para a desistência, estão taxas extras muito elevadas (55%), o site exigir que o usuário crie uma conta (38%) e um processo de checkout muito longo e complicado (26%).

Uma solução de checkout prática ajuda varejistas para otimizar as compras e aumentar conversões. Mas é claro que cada empresa tem um foco diferente: algumas priorizam agilidade e querem uma integração rápida para começar a vender rápido. Outras preferem investir um pouco mais de tempo para ter flexibilidade e controle sobre a jornada do cliente.

Veja abaixo qual é o tipo de checkout mais indicado para o seu negócio:



Checkout SDK - Para quem quer agilidade

É a nossa solução plug and play, a maneira mais rápida de integrar um processador de pagamento a seu ecommerce. Nesse caso, os pagamentos são iniciados pelo seu servidor, mas toda a transação é gerenciada pela Adyen.

A integração acontece de maneira rápida, sendo possível realizar um pagamento em três etapas. Primeiro, é preciso criar uma sessão de pagamentos, para transmitir as informações do comprador à plataforma da Adyen com segurança. Depois, é o momento de enviar os dados para a nossa ferramenta de checkout, para então verificar o resultado da transação e ver se tudo correu como o esperado.

Toda a praticidade de integração também restringe as customizações que podem ser feitas na página de pagamentos visualizada pelo comprador -- pode-se alterar o visual, a língua e as mensagens exibidas, mas não muito mais que isso.

Outro detalhe é o controle sobre os dados: como é a Adyen que criptografa e transmite as informações sensíveis do cliente, e como elas nunca entram em contato com o servidor da marca, o comerciante não precisa se preocupar em estar em conformidade com as regras do PCI Security Standards Council.



Checkout API - Para quem quer controle

Esta é a solução para quem quer ter controle total sobre a experiência do usuário. Com o Checkout API, a empresa consegue customizar toda a interface de pagamentos, assim como os métodos de pagamento aceitos e quais são os parceiros de gateway a quem quer se conectar.

Contudo, toda essa flexibilidade exige mais tempo de desenvolvimento: é o varejista que constrói toda a página, incluindo o formulário com as informações de pagamento, e é responsável pela comunicação com o cliente. A parte da Adyen se restringe aqui ao processamento da transação.

E como o responsável por cuidar dos dados sensíveis do comprador é o varejista, ele precisa operar com a certificação de segurança do PCI Security Standards Council.

Para essa integração, é preciso pegar a chave API na sua conta da Adyen para fazer chamadas a nossos servidores e também instalar uma de nossas bibliotecas para se conectar ao nosso API. Você também precisará entrar em contato com o nosso time de suporte para que a sua conta seja configurada apropriadamente.



Check out API + Secured fields - Para quem quer flexibilidade

Esse seria o meio-termo entre os dois tipos de checkout apresentados acima. Ele é perfeito para quem quer ter controle sobre a experiência do cliente, mas não quer se preocupar com certificações de segurança.

No Checkout API com Secured Fields, a integração é similar à do Checkout API, porém o varejista têm acesso a componentes pré-construídos e já testados pela Adyen, que podem ser adicionados à interface de pagamentos. Atualmente, já existem opções disponíveis para pagamentos com cartão, Apple Pay e Google Pay.

Nesse caso, apesar de os componentes serem apresentados no site do varejista, todas as informações inseridas ali são coletadas e processadas pela Adyen, o que quer dizer que o comerciante não precisa se preocupar em obter a certificação PCI, e ainda pode customizar mais a experiência do consumidor.

Já sabe qual é o tipo de checkout que melhor atende às necessidades do seu negócio? Então entre em contato com a gente para começarmos já a nossa integração.
 

Vinícius Nunes, Product Manager da Adyen para América Latina


Registre-se para receber nossa newsletter

Concordo que a Adyen me envie newsletters com atualizações sobre a empresa e o setor de pagamentos, nossos parceiros e clientes, nossos produtos e serviços; e novos recursos e lançamentos. Ao enviar este formulário, você reconhece ter lido os termos de nossa Declaração de Privacidade  e autoriza a utilização dos dados de acordo com eles.


Are you looking for test card numbers?

Would you like to contact support?

Start searching the Adyen website...

  Website