É hora de trocar seu provedor de pagamentos

Especialização, tecnologia descomplicada, visão de negócios e cultura de inovação. Se seu provedor de pagamentos não tem essas características, é hora de mudar.

É hora de trocar seu provedor de pagamentos? Qualquer empresa buscando atingir ambiciosas metas de crescimento, deveria se fazer essa pergunta. Quando o varejo passou a reconhecer a tecnologia de pagamentos como um elemento estratégico para a geração de receitas e contenção de custos, encontrar a resposta para esta pergunta se tornou mais urgente.

Com uma projeção de crescimento em torno de 18% do ecommerce brasileiro para o ano de 2018, a competição se tornará acirrada. Diante do crescimento acelerado dos negócios digitais, as adquirentes e processadoras de pagamentos devem se livrar do rótulo de serviços tratados como commodity e assumir a posição de desenvolvedores de tecnologia, ferramentas e soluções de valor agregado. São estas as empresa que se estabelecerão no mercado como parceiros estratégicos e confiáveis do varejo, pois promoverão o crescimento das lojas online de maneira estável e escalável, acompanhando o volume crescente de transações.

Como reconhecer, então, qual o provedor de pagamentos ideal para seu negócio? Algumas características podem compor o checklist de quem busca um parceiro de pagamentos, entre elas: especialização; tecnologia descomplicada e visão de negócio como apoio estratégico para alavancar seus negócios. Como seu adquirente pensa? Ele está tão preparado quanto você para crescer? Ele é capaz de acompanhar e até mesmo de alavancar o seu crescimento?

Especialização do provedor de pagamentos

Com a popularização dos pagamentos móveis, um dos principais papéis do provedor de pagamentos é remover as barreiras do cliente durante o momento mais importante: o checkout. Isso significa trocar processos que atrapalham a experiência de compra por outros que minimizam os atritos. Isso aconteceu com a recente implementação de pagamentos recorrentes com cartão de débito, que foi aproveitado por empresas como Uber e Netflix, por exemplo. O objetivo? Atender uma ampla base de clientes que não utilizavam o cartão de crédito.

Outra facilidade lançada recentemente no mercado brasileiro é o uso dinâmico do 3D Secure. Esta tecnologia consegue reduzir as fraudes sem a necessidade de etapas de autenticação ou bloqueio de consumidores legítimos. O segredo destas ferramentas é o controle total de dados gerados nas plataformas de pagamentos.

Tecnologia descomplicada

Contudo, existem ainda desafios por parte do mercado tradicional de pagamentos. Especialmente se considerarmos operações globais ou com planos de expansão internacional. A maioria das empresas de pagamentos não possuem operações estruturadas globalmente. Para o varejista que pensa em expandir seus negócios em diferentes regiões, já basta precisar derrubar barreiras geográficas. Realizar diferentes integrações e se adaptar a cada novo mercado é um processo dispendioso, lento e pouco integrado.

Dados do relatório The Truth About Online Consumers, da KPMG, demonstram que boa parte das transações online já são de compras feitas em outros países. Na América Latina, trata-se de 44% do total. No entanto, muitas plataformas de pagamentos não acompanham essas inovações de mercado.

Muitos dos sistemas de processamento de pagamentos oferecidos hoje foram desenvolvidos nos anos 80. Época muito anterior à massificação da internet e do surgimento dos meios de pagamento atuais. Essas plataformas antiquadas vêm, desde então, sendo “adaptadas” para aceitar métodos de pagamento atuais. Porém funcionam com a mesma tecnologia e infraestrutura de décadas atrás.

Um parceiro de pagamentos deve se manter à frente de seu tempo, antecipando tendências. Além de integrar-se aos métodos de pagamentos mais atuais, como as wallets. Esta é o caminho para atender às demandas exigentes de consumidores modernos em qualquer canal de vendas.

Visão de negócios

Com uma plataforma de processamento de última geração, o adquirente consegue fornecer insights de análise de dados de pagamentos dos consumidores. Estas informações podem ser aplicadas no planejamento de negócios. De acordo com o McKinsey Global Institute, as organizações orientadas por dados têm 23 vezes mais chances de adquirir clientes, seis vezes mais chances de reter clientes e 19 vezes mais chances de serem lucrativas.

Um bom parceiro de pagamentos é aquele que consegue se adequar rapidamente às demandas de um segmento dinâmico. O importante é entregar ao cliente a experiência que os diferenciará competitivamente por meio de tecnologia.

A busca pelo crescimento contínuo exige foco, determinação e muita coragem para inovar. Mas exige também a busca por parceiros capazes de agregar conhecimentos e experiências e a trilhar novos caminhos. Na escolha do parceiro de pagamentos, seja crítico e entenda o quanto cada um deles realmente é inovador. Capaz de alavancar o seu crescimento. Uma boa opção é checar qual é a escolha das empresas que mais crescem no seu mercado. Certamente essas empresas poderão lhe dar uma boa indicação.

Quer saber mais sobre a nossa adquirência e os métodos de pagamento oferecidos? Entre em contato.

Aproveite que está por aqui e assine nossa newsletter para ficar por dentro das novidades sobre o mundo dos pagamentos.


Inscreva-se para receber nossa newsletter

Concordo que a Adyen me envie newsletters com atualizações sobre a empresa e o setor de pagamentos, parceiros e clientes, produtos e serviços, e novos recursos e lançamentos. Ao enviar este formulário, reconheço ter lido os termos da Declaração de Privacidade  e autorizo a utilização dos dados de acordo com as regras ali estabelecidas.


Are you looking for test card numbers?

Would you like to contact support?